Caem subsídios da farinha argentina

 

 

 

 

 

 

 

“Esse é o diagnóstico que o setor já está prevendo sobre o impacto da medida oficial. Entre 2015 e 2017 as exportações de farinha de trigo, medidas em toneladas de trigo, subiram de 663.800 tons para 996.746 t, um crescimento de 50%, segundo dados da Federação Argentina da Indústria Moageira (FAIM)”, diz Pacheco.
 
Os “reintegros” desse segmento foram colocados em janeiro de 2017. Para Diego Cifarelli, presidente da FAIM, essa medida possibilitou que, no ano passado, as vendas chegassem quase a um milhão de toneladas, estando previsto para este ano um salto de 20% a 30% que, agora, fica comprometido.Leia mais ...

Fonte: https://www.agrolink.com.br/culturas/trigo/noticia/caem-subsidios-da-farinha-argentina_410416.html

Mais Notícias