Apesar do menor ritmo de comercialização do trigo no mercado interno e da proximidade da colheita, os preços da saca ainda estão

Por Maíra Laskoski

A menor disponibilidade de trigo no mercado doméstico torna o ritmo da comercialização mais lento, principalmente em razão dos altos patamares dos preços e dos estoques formados por moinhos de grande porte, suficientes para atender à demanda industrial até o ingresso da nova safra.

Em razão da menor demanda pelo cereal brasileiro, os preços tiveram recuos em relação ao pico dos preços verificados no mês de junho, quando o preço da saca no Paraná ultrapassou R$50,00 em vários municípios e em São Paulo a média do estado foi acima de R$60,00/saca.

Continue lendo em http://www.afnews.com.br/trigo-brasil/apesar-do-menor-ritmo-de-comercializacao-do-trigo-no-mercado-interno-e-da-proximidade-da-colheita-os-precos-da-saca-ainda-estao.html

Mais Notícias